! denúncias - Território Livre

denúncias

Na sua escola ou na sua quebrada tem abuso? Tem avacalhação? Denuncie para o Território Livre! denuncias@territoriolivre.org

ASSÉDIO DO PROFESSOR

Aqui tem professor que assedia as alunas todo dia. Ele tá sempre tentando se fazer de engraçado falando de sexo na sala de aula, de quantas vai pegar no fim de semana. Chegou a dizer que a aluna não ‘guentava e que as magrinhas como ela fazem gostoso. Toma cuidado com a força das estudantes, professor. Porque a luta elas ‘guentam! (EE Maria Zilda Gamba Natel)

PRECARIZAÇÃO DOS SEGURANÇAS

É impossível continuar trabalhando bem sendo ameaçado de demissão o tempo todo. Estão trocando os seguranças por porteiros. Esse novo pessoal vai receber muito menos, trabalhar mais e nós seremos todos demitidos. (segurança terceirizado da USP)

LABORATÓRIOS INUTILIZADOS

Os laboratórios tão sendo utilizados como depósitos. Teve um dia que a gente ia fazer prova de química no laboratório e o professor falou que não dava pra fazer porque o laboratório não tava equipado. Tem muito laboratório que a gente não usa; laboratório de química e biologia, são laboratórios que tão intactos, intactos, só que a gente não usa, a gente não vai, tá fechado. (ETEC Abdias do Nascimento)

REPRESSÃO NA USP 1

Uma vez tentei ir até a moradia estudantil da USP. Como não sou de lá, me perdi e fui buscar informação na primeira cabine de polícia que encontrei. Depois de perguntar pra qual lado era disseram que eu precisava encostar para uma revista rotineira. Me enquadraram porque “coisas suspeitas” aconteciam no campus. Eu não entendi muito bem o que eu estava fazendo para ele me considerar suspeito mas né… (estudante negro de ETEC)

REPRESSÃO NA USP 2

Eu tava fazendo um craft, depois disso, sobrou uma faixa e um potinho de tinta, começamos a fazer intervenção no prédio porque ele tinha acabado de ser todo pintado e não haviam mais pixos. De repente aparecem PPUSPs e começam a chamar reforço, aí eu fui pro espaço estudantil, que teoricamente eles não podem entrar, quando de repente chega o tal do reforço que o cara chamou, vários outros PPUSP, começam a entrar no espaço estudantil juntos. 3 guardas universitários dentro do Centro Acadêmico ameaçando a chamar a Polícia Militar pra dentro dali. (estudante de Geografia da USP)