! quem são os terroristas - Território Livre

quem são os terroristas

Logo após ter sido aprovado o impeachment e a presidente ter sido afastada do cargo, Dilma declarou: “durante todo esse tempo tenho sido também uma fiadora zelosa do Estado democrático de direito. Meu governo não concedeu nenhum ato repressivo contra movimentos sociais ou manifestantes de qualquer posição política”.

Esta frase doeu aos ouvidos de todos aqueles que se manifestaram desde 2013. Infelizmente, trata-se de uma sonora mentira! O mesmo governo do PT que aprovou a lei-antiterrorismo, não só reprimiu manifestantes, como esteve na maior parte do tempo ao lado dos governantes de outros partidos (até mesmo os de oposição, como o PSDB de São Paulo) para reprimir aqueles que foram às ruas dizer não! Quando a tarefa é reprimir o povo, os partidos da ordem não são inimigos entre si, são aliados!

Nas jornadas de junho, em todas as manifestações contra o aumento das passagens e nos atos contra a copa das confederações em 2013, nos protestos contra a copa em 2014, nas inúmeras tentativas de resistência por parte de indígenas e movimentos sociais contra a construção da usina hidrelétrica de Belo Monte foi utilizada uma enorme estrutura de repressão. Em todos esses casos, as polícias militares cometeram incontáveis abusos e tiveram apoio do governo federal. A presidente enviou a Força de Segurança Nacional e o próprio exército para apoiar as PMs e polícias civis, e utilizou o serviço secreto (Abin – Agência Brasileira de Inteligência) para investigar movimentos e ativistas políticos, o que levou à perseguição e à prisão de manifestantes.

REPRESSÃO PRA GERAR E DEFENDER O LUCRO

As bombas e balas de borracha que a PM usou para reprimir os atos em junho de 2013 nas ruas do Brasil foram atiradas, na mesma época, contra os manifestantes na Turquia. Essas ‘’armas não letais’’ são fabricadas pela Condor, uma empresa brasileira que fornece arsenal de guerra para a polícia de 45 países. Enquanto a inflação, o desemprego e os ataques constantes do governo corroem as condições de vida e geram revolta entre jovens e trabalhadores, para a Condor a crise e a crescente ‘’insatisfação social’’ no Brasil e no mundo geram mais lucro.

As reintegrações de posse ilegais de escolas ocupadas em São Paulo e Goiás são ações arbitrárias de governantes do PSDB. Mas a repressão não tem apenas as marcas da PM truculenta de Alckmin, ou do Exército de Dilma na Favela da Maré. A repressão não é filha desse ou daquele partido, a repressão é a ferramenta dos poderosos para silenciar aqueles que se manifestam.

O aumento da repressão nos últimos anos é o reflexo no espelho da crise! A crise econômica avança e por conta dela a revolta popular aumenta, os governos se valem da repressão para combater toda e qualquer resistência e para varrer das ruas os seus efeitos.

Falar em Estado democrático de direito quando a polícia mata jovens todos os dias é uma piada de mal gosto. A repressão não é um conjunto de casos isolados. Essas “exceções” são a regra do Estado. Para o Estado, agir na ilegalidade é a regra, para nós o Estado democrático de direito é uma mentira que deixa claro: Eles são os terroristas!

GCM QUER TIRAR MAIS ONDA QUE PM

A repressão não avança apenas sobre os que lutam contra a crise. Um de seus efeitos mais perversos é a repressão sobre aqueles que são empurrados para uma vida de miséria. A população de rua aumenta e para varrê-la das ruas a truculência do Estado se vale de sua versão “civil”.

Em Diadema, nos longos muros da empresa Ambev, usuários de crack se juntam em pequenos grupos.

TL – Sabemos que muitos de vocês apanham por aqui.
E – Aqui tem polícia 24h por dia, que nem nóis, que moramos aqui, somos moradores de rua e usuários de drogas. Eles sobe e desce, chegou na boca, sobe e desce. Eles não quer que mexa com eles, rouba na quebrada, atrasa na quebrada. Aí é spray de pimenta e bate mesmo. Isso é policia militar, civil, garra…. Agora os filha da puta dos GCM quer tirar mais onda que a própria polícia. GCM quer esculachar. Até roleta russa fizeram já.
E2 – Lá em Jundiaí você não pode dormir em praça nenhuma, se tiver dormindo em praça os caras chegam com aquela máquina de choque.

TL – A GCM mesmo?
E2 – Isso, a guarda municipal.
E – Se não der problemas eles não dão pra você. Agora o GCM, você dando ou não problema, eles chegam esculachando.

TL – Eles ganharam poder de polícia agora.
E – Desculpa o palavrão, mas eles não tão sabendo o pé de pica que eles pegaram. Ó lá, os civil tão lá de camarote!