! carta de apoio aos lutadores na uel - Território Livre

carta de apoio aos lutadores na uel

Os funcionários da Universidade de Londrina estão em greve desde o dia 10 de fevereiro, quando diversos setores do funcionalismo público do Paraná deflagraram uma greve que levou milhares às ruas, ocupou a Assembleia Legislativa do Estado e impediu que os parlamentares votassem os ataques preparados pelo governo Beto Richa (PSDB). Dentro da Universidade, a greve dos funcionários foi seguida pela greve dos professores, iniciada no dia 12, e dos estudantes, no dia 23. Na UEL, os cortes atingiram primeiro o terço de férias, e agora a própria reitora da instituição fala em fechamento devido à crise. A verdade é que em diversas Universidades estaduais e federais país afora vemos sendo implantadas políticas de terra arrasada: cortes nos diversos tipos de bolsas estudantis, congelamento de salários, desvinculações de hospitais universitários, ataques à autonomia universitária. Os governos parasitas e seu burocratas mortos-vivos preparam o terreno para a destruição das universidades: sua submissão a interesses privados, laboratório de ataques à classe trabalhadora e contra o futuro da juventude.

Nós, do Território Livre, estendemos nosso apoio à greve da UEL. É preciso lutar contra o descaso programado, criar células de resistência aos ataques, e defender os mínimos elementos progressistas, limitados que sejam, que as universidades ainda oferecem. Adiante, companheiros!

VIVA A LUTA-VIVA CONTRA AS RUÍNAS!

04.03.2015


Categorias: Universidade

Tags: , , , , ,